segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Grupo 01 - Quem são Marx e Engels

Queridxs, para a minha grata surpresa mais de 1 resumo estava muito bom e, por isso, não consegui escolher só 1. Principalmente porque um deixou o outro ainda melhor. Os quatro melhores resumos foram 3A, 3B, 3D e 3E.

Mas os resumos vencedores da etapa "grupo 01" são: 3A e 3D! \o/

Parábens Ana Luiza, Eduarda, Nathália, Mariana, Thiago Rodrigues e Thiago Luiz do 3A e Carlos Alexandre, Gisele, Agatha, Luan, Bárbara e Allan do 3D.

Aí vão os resumos (que estão beeem grandinhos)...

******************************************************************************

Resumo do 3A

QUEM FORAM KARL MARX E FRIEDRICH ENGELS?


Karl Marx

Karl Heinrich Marx nasceu no dia 5 de maio de 1818, em Tréveris, na Alemanha e morreu em 14 de março de 1883, em Londres, na Inglaterra. É conhecido por ser o fundador da doutrina comunista moderna e foi também um intelectual e revolucionário. Marx foi um estudioso que ingressou na Universidade de Bonn para estudar direito em 1835. Por influência de seu pai, acabou transferindo-se para a Universidade de Berlim, alguns anos mais tarde, onde teve contato com a obra do professor e filósofo Georg Wilhelm Friedrich Hegel. Interessado, o jovem voltou-se para a área da filosofia, onde mais tarde concluiu um doutorado. O pensamento de Karl Marx afetou radicalmente a história política da humanidade e é até hoje um dos mais conhecidos de todo o mundo. Influenciado por filósofos como Imannuel Kant e pelo próprio Hegel, e com a colaboração de seu amigo Friedrich Engels, Marx foi autor da teoria marxista. Trata-se, substancialmente, de uma crítica ao sistema capitalista, que não se limita apenas à teoria, tentando uni-la à prática e, por causa disso, ficando conhecida também como teoria do “socialismo científico”. Além disso, Marx foi o criador de termos que repercutiram em posteriores discussões nas sociedades, como a “mais-valia”.


Influência de Hegel em Marx

Para Hegel, tudo está em constante mudança, o mundo não é estático. O "sujeito" do mundo em constante metamorfose é o Espírito do Mundo, que representa a consciência humana,é algo como Deus. Diz ainda que as formas de construção social derivam das idéias do homem, ou seja, a realidade é definida pelos conceitos da consciência humana. Só há evolução quando as novas idéias entram em conflito com as antigas, para que assim haja uma nova concepção de realidade social. Marx também acredita no fato de que somente o conflito pode alterar a realidade social, entretanto, não concorda que sejam as idéias as sejam responsáveis por isso, e sim as ações concretas de cada indivíduo ou seja, o trabalho humano. Elimina também a presença mística do "Espírito do Mundo". Essas alterações feitas por Marx aconteceram após o contato com os pensamentos de Feuerbach.


Influência de Feuerbach

Em 1841, Feuerbach publicou "A essência do Cristianismo", onde criticou Hegel e afirmou que a religião é simples criação humana, além de uma forma de alienação. Afirmou que a dialética de Hegel estaria "de cabeça para baixo", pois diz que o homem é fruto do pensamento e não que o pensamento é fruto do homem.


Crítica da Religião

Marx crê que a religião é somente uma forma de desresponsabilizar os homens por seus atos. Ateu convicto, possui uma frase de grande repercussão: "A religião é o suspiro da criatura oprimida, o coração de um mundo sem coração, e assim o espírito de uma situação carente de espírito, é o ópio do povo." Em relação à religião, segue basicamente as idéias de Feuerbach, que acredita na religião como simples desejo do homem, ao invés de uma vontade divina.


Revolução

Conhecido como “teórico da revolução”, apesar de não haver nenhum conceito em suas obras. Diz que toda revolução deve ser violenta, pelo fato do governo sempre interferir com punições para manter a ordem do poder político, que é feito pelo poder particular de um determinado grupo de classe. Para Marx a qualidade das mudanças está na quantidade de revoluções.


Socialismo, comunismo e anarquismo

Em geral, os três representam a luta por uma sociedade igualitária, a diferença é o nível na sociedade em que se encontra a mesma.


Materialismo Dialético e Histórico

O materialismo dialético de Marx colocava foco nas contradições e desigualdade da sociedade, tendo a intenção de criar uma rivalidade que iria gerar um maior rendimento, uma evolução.

O materialismo Histórico é a teoria da estrutura e organização da sociedade com os indivíduos, a partir dos “modos de produção” que são as forças produtivas (matérias-primas, ferramentas) e relações de produção (relação de patrão-empregado e realização de atividades).


Mais-valia

É o lucro extra que o burguês recebe a partir da exploração do proletário. Temos a mais-valia absoluta, onde o burguês aumenta a jornada de trabalho do proletário e mantém o mesmo salário; e a mais valia relativa, mantém o mesmo salário, aumenta o número de máquinas aumentando a produção.


Alienação

A alienação começa a partir da divisão social do trabalho, onde o proletário perde a noção da produção num todo, passa a fazer apenas uma parte do trabalho, não sendo suficiente para concluir o produto final. Existem 03 tipos alienação:

-Alienação econômica = o proletário não tem dinheiro para comprar o produto que ele próprio fabrica. Aumento da divisão social do trabalho.

-Alienação política = o governo só representa a classe burguesa, só dá “vantagens” para os ricos.

-Alienação filosófica = burguês “produz” para burguês.


O Capital

Grande obra de Marx, que mostra o acúmulo de capital, o lucro dos burgueses sobre a exploração do proletário, considerada a obra que deu origem ao pensamento socialista marxista, demonstra a lógica do capitalismo e é usado como argumento para os movimentos operários.


Friedrich Engels

Friedrich Engels nasceu em Barmen, 28 de novembro de 1820 e faleceu em Londres, 5 de agosto de 1895. Foi um importante filósofo alemão. Junto com o filósofo alemão Karl Marx, criou o marxismo (socialismo científico). Foi morar na Inglaterra em 1842 para trabalhar na indústria de tecidos do pai, situada na cidade de Manchester. Observando às péssimas condições dos trabalhadores na Inglaterra do século XIX, passou a ter uma visão crítica sobre o capitalismo. Teve contato e identificação com as idéias do socialismo, aproximando-se de Marx.

Engels e Marx escreveram o Manifesto comunista em 1848. Nele, retratam o assombroso desenvolvimento da burguesia e sua luta com o proletariado emergente, que germinou em seu próprio bojo. Neste mesmo ano, Engels participou das Revoluções de 1848, na Alemanha, Bélgica e França.

Engels forneceu apoio financeiro na década de 1850 para Marx escrever o primeiro volume da principal obra socialista “O Capital”. Após a morte de Marx (1883), Engels foi o responsável por escrever a continuação do segundo volume desta obra e redigir por completo o terceiro.


Obras

Essa visão crítica do Capitalismo que levo Engels a escrever um dos seus maiores livros: “A Situação das Classes Trabalhadoras da Inglaterra” em 1845, que justamente mostrava a situação que os operários da época enfrentavam e já mostrava certo esquerdismo de Engels.

Além dessa obra Engels escreveu vários outros livros juntamente com Marx como “o Manifesto do Partido Comunista” e “O Capital” onde com certeza já decidido ao marxismo criticavam ao capitalismo e analisavam seu crescimento. Porém sozinho Engels escreveu obras importantíssimas para o Marxismo como: “Ludwing Feuerbach e o Fim da Filosofia Alemã”; “Do Socialismo Utópico ao Científico” e “A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado”. Nesses trabalhos Engels explica o que é o Socialismo Científico e faz uma análise do materialismo e de como a sociedade vem se desenvolvendo desde o início dos tempos.


Possíveis Analogias do tema com o livro “A Revolução dos Bichos”

Fábula de 1945 na qual o escritor britânico George Orwell condena a traição de Josef Stalin à causa bolchevista. Animais tomam o poder em uma fazenda, e paulatinamente desvirtuam seus propósitos revolucionários.

É possível analisar o livro fazendo analogias com Karl Marx e com o movimento revolucionário ocorrido na Rússia czarista em 1917. O Sr Major faz possivelmente o papel de K.Marx, que é deixar em teoria como deveria ocorrer a revolução. Bola-de-Neve sendo Trotsky e Napoleão sendo Stálin. Após a Revolução, devido a divergências ideológicas, Stálin expulsa Trotsky da URSS sendo o único líder. Bola-de-neve queria espalhar pela vizinhança o Animalismo, para que os animais das demais fazendas também fizessem uma revolução é respectivamente a mesma idéia de Trotsky, que era difundir o Comunismo pelo mundo todo. Trotsky mais tarde após a revolução contra os czares foi expulso por Stálin. Já Napoleão proibiu que o Animalismo se alastrasse pela vizinhança igualmente a Stálin, queria que o comunismo só se instalasse na URSS.
************************************************************************************

Resumo do 3D

- Quem foram Marx e Engels


*Friedrich Engels foi um importante pensador alemão, que juntamente com Marx conseguiu escrever a obra mais famosa do comunismo e marxismo. Nasceu em Barmen 1820, e morreu em Londres 1895. Vindo de família burguesa, proprietária de uma linha de fábricas, Engels sempre observou os trabalhadores das fábricas de seu pai de uma forma diferente. Quando se tornou mais jovem foi administrar uma das fábricas onde fica indignado com o estilo de vida dos empregados, e desenvolve um estudo sobre o proletariado britânico chamado, A situação das classes trabalhadoras na Inglaterra (1845). Mais tarde se torna muito amigo de Marx, com quem percebe a grande afinidade de estudos e pensamentos. Depois que Marx morre, Engels começa a escrever seus livros sozinho, porém agora, ele escreve com uma grande influência deixada por Marx.

*Karl Marx nasceu em 1818 e morreu em 1883, foi um intelectual e revolucionário alemão, fundador da doutrina comunista moderna e escritor da obra O Capital. Vem de origem judaica e cristã, mas ao longo de sua vida não adere à religião ou fé. Estudou em diversas universidades, começa a carreira acadêmica e depois passa a ser redator de jornal. Casa-se, vai para Paris, trabalha em outro jornal e conhece Engels. É expulso de uma serie de países por suas criticas aos governos, e só interrompe o trabalho que começou com Engels quando morre em Londres.



*Manifesto do Partido Comunista: Juntos, Marx e Engels, entre outros escritos, criam o Manifesto comunista na Bélgica.



- Contexto Histórico (antes, durante e depois do Manifesto)

*Revolução Francesa
A Revolução Francesa veio a partir de uma intensa crise financeira e comercial. Apesar de constituir apenas 5 % da população, a nobreza e o clero ficavam com a maior parte do dinheiro do Estado. A burguesia aumentava seu capital cada vez mais. Enquanto a camada popular, que constituía 80% da população, passava fome. Ninguém estava contente com o governo do rei Luís XVI, que cobrava altos impostos e espalhava fome pela França. Então os Girondinos e os Jacobinos vão à luta e tiram o país das mãos do rei. As idéias de Marx e Engels foram muito influenciadas pela Revolução Francesa, pelo fato de esta Revolução ter vindo de uma intensa e injustiçada luta entre classes, no caso entre nobres,burgueses e proletários.

*Revolução Industrial

A Revolução Industrial foi essencialmente uma revolução social, que acarretou: o desenvolvimento das relações assalariadas; a substituição da energia humana pela energia a vapor das fabricas, a passagem de uma sociedade agrária para uma sociedade industrial, a divisão da sociedade em duas classes antagônicas: a burguesia capitalista, dona do capital e dos meios de produção e o proletariado, dono da força de trabalho. A reação operária, com o tempo, levou a formação dos sindicatos e novas doutrinas sociais. Diante desse quadro que se instalou (a criação de duas classes antagônicas), Marx criticava a sociedade capitalista, considerando que a sociedade de cada época é determinada pelas suas condições econômicas.


*Internacional

A Associação Internacional dos Trabalhadores (AIT), às vezes chamada de Primeira Internacional, foi uma organização que procurou unir vários grupos políticos de esquerda e sindicatos baseados na classe operária. A organização foi criada em 1864 em Genebra. A direção intelectual da Associação foi confiada a Karl Marx, que redigiu o manifesto (mensagem inaugural) e seus estatutos,que visava organização do proletariado em partido de classe, luta pela segislação social, criação de cooperativas operárias, luta contra a diplomacia secreta, união dos proletários de todos os países, extinção dos domínios de classe, e libertação economica da classe operária.Em 1868, o revolucionário russo Miguel Bakunin aderiu a associação e logo começou a lutar contra Marx, pois suas idéias anarquistas vinham bater de frete com suas idéias marxistas.


- Principais Influências

*Por quem foram influenciados

Fortemente influênciados pela Doutrina de Hegel, professor da universidade em que Marx cursou o doutorado, e onde Marx ficou com contato direto com as idéias dos Jovens Hegelianos. Os principais aspectos do sistema de Hegel, foram sua filosofia histórica e a concepção dialética.
Durante um tempo, Marx, se considerou um hegeliano de esquerda, porém, fez uma revisão crítica em relação aos conceitos de Hegel, influenciado indiretamente por Feuerbach, que era um filósofo materialista, e criticava duramente Hegel. Feuerbach influenciou também Engels, e ficou contra Hegel, ao afirmar que a religião consistia numa projeção dos desejos humanos, e numa forma de alienação. Baseado nisso, Marx teve seu momento determinante para a formulação de sua crítica a religião.Tiveram também influência do socialismo utópico francês e da economia política clássica britânica.

*Quem influenciaram

A Filosofia Marxista, onde o homem é considerado um ser social com capacidade de mudar o meio onde vive, se espalhou rapidamente pelo mundo, através de filósofos, políticos, pessoas que queriam e fariam tudo para ver a doutrina comunista em prática.

Muitos filósofos foram influenciados, como os da escola de Frankfurt, Jean-Paul Sartre, entre outros. Além de pessoas influentes em seus respectivos países, como Che Guevara em Cuba e Rosa Luxemburgo na Alemanha.


-Principais Revoluções pelo mundo

* Revolução Russa

Durante o governo de Nicolau II a massa camponesa sofria com a profunda miséria e o governo opressor. Dez anos após a publicação de “O Manifesto do Partido Comunista”, surgem duas tendências políticas: os bolcheviques liderados por Lênin, e os mencheviques, liderado por Martov.

Depois de uma série de eventos políticos, em 1917 os bolcheviques tomam o poder e derrubam Nicolau II do trono. Em 1922 cria-se a URSS, Lênin morre e nasce uma disputa entre Trotsky que defendia um comunismo expansionista, e Stálin a favor do comunismo centralizado.

*Revolução Cubana
Mesmo com a independência, Cuba continuou a ser comandada pelos EUA. Interessados no bom comércio, os EUA investiram no açúcar e esqueceram a população.

Durante muito tempo a população viveu em grane miséria. No governo altamente repressor de Fulgêncio Batista, diversos militantes de movimentos revolucionários foram reprimidos e exilados para o México.

Após um grande período de lutas, com a ajuda de diversos revolucionários, entre eles, Che Guevara, Fidel Castro assume o poder e toma várias medidas, como, nacionalização de bancos, reforma agrária, reforma no sistema de educação e saúde. Assim, Cuba se tornou a primeira nação comunista da América.

*Revolução de 30 (Olga Benário e Luís Prestes)

A Revolução de 1930 foi um movimento militar e político que depôs o presidente Washington Luís, destituindo a República Velha e conduzindo ao poder Getúlio Vargas, após encerrada a política do café-com-leite, gerou grande inconformismo nos meios político e militar. Mas seu estopim se deu com o assassinato de João Pessoa, acarretou várias agitações do Sul ao Nordeste. Luís Carlos Prestes foi convidado a liderar essa revolução, mas se negou, pois vinha contra seus princípios comunistas, se aliando a ele logo em seguida, ao incorporar idéias marxistas ofereceu ao tenentismo a possibilidade de adquirir consistência teórica e base social, qualidades que o movimento nunca teve. Foi casado com Olga Benário, comunista alemã exilada e morta nos campos de concentração na Alemanha.


- Influências no Século XX

*URSS – inicio -

Com a queda de Lênin, uma luta interna pelo poder se estabeleceu entre Trótski e Stalin, e Stalin sai vitorioso, implantando um regime violento e autoritário. Transforma a URSS em uma potência mundial as custas de mão de obra barata. Exila Trótski da URSS e depois manda matá-lo no México. Abre a URSS para o comércio capitalista.

*Escola de Frankfurt

A escola de Frankfurt surgiu em 1923, na Universidade de Frankfurt, como um anexo desta, e foi o 1º centro de pesquisa marxista afiliado a uma Universidade alemã. Os seus maiores expoentes foram: Horkheimer, Adorno, Herbert Marcuse e Benjamin. Habermas fez parte do circulo frankfurtiano, mas escreveu suas próprias teorias, também amplamente influenciado por Marx.

*URSS – Pós Stalin

Depois da morte de Stalin, Nikita Kruschev assume o comando da URSS e denuncia os crimes de Stalin e os campos de concentração (campos de trabalho pesado, e de extermínio). Ao longo do sec. XX a URSS tem vários lideres, e vai assumindo posturas diferentes de acordo com cada um, mas sem deixar de ter um certo comércio com os capitalistas, e de se dizer marxista.

*Guerra Fria 1949 a 1989

A Guerra Fria foi uma guerra silenciosa entre o lado capitalista (EUA) e socialista (URSS) do mundo, vitoriosos na Segunda Guerra Mundial. Ela se estendeu por anos, com os lados opostos, sempre tentando aumentar suas áreas de influência. Só acaba com a queda do muro de Berlim e logo depois, vem o fim da URSS e o capitalismo se instala em quase todo o mundo.


- Influências do Comunismo e o Materialismo Dialético

* A arte e o comunismo

Os ideais comunistas foram para além do campo político; as diversas áreas das artes também sofreram tais influencias. Como grandes nomes, temos representantes da pintura Diego Rivera marido de Frida Kahlo, ambos comunistas. Literatura, Bertolt Breacht e José Saramago. No Brasil, Gilberto Gil e Chico Buarque como grandes representantes da música.


* Materialismo Dialético

O materialismo dialético foi uma concepção filosófica elaborada por Mark e Engels que tinha como proposta focar a visão da sociedade nas contradições e na desigualdade de seu próprio governo, alegando que esse era o local certo para começar a mudar um governo. Para eles, a sociedade é formada por uma Base Material, ou “infra-estrutura”, que exerce influência sobre todas as instituições (tanto jurídicas e políticas, quanto ideológicas) e que essa base é formada por forças produtivas e relações de produção, ou seja, a sociedade só evolui cultural e socialmente na medida em que evolui economicamente.


Luta de Classes

Idade Antiga – cidadãos e escravos.
Idade Média – senhores e servos.
Idade Moderna – nobreza, burguesia e camponeses.
Idade Contemporânea – operários e burgueses.

4 comentários:

Anônimo disse...

O resumo do 3A a parte do Karl Marx é uma copia identica da net

http://www.karlmarx.com.br/biografia-marx.htm

Acho q isso deve ser levado eem conta

Profa. Mariana disse...

Queridx anônimx.

Isso foi levado em consideração. No entanto, a biografia é uma parte em que não há muito o que se alterar e/ou refletir, por isso, não me incomodou a cópia. Embora, devo concordar com você, o grupo devesse ter citado a fonte.

Acho uma pena que você tenha escrito anonimamente porque, se você está se sentindo injustiçadx de alguma forma pela escolha desse resumo, poderíamos conversar e, quam sabe, rever minha decisão.

Ana Luiza 3A disse...

Bom, realmente é uma cópia. Isso não significa que não tenhamos lido outras biografias e não tenhamos apresentado corretamente. Não acredito que teria sido melhor cortar umas partes ou mesmo invertê-las, porque não deixaria de ser uma cópia. Se você realmente acha que reescrever toda a biografia com nossas palavras seja uma prova de que a lemos e a estudamos, pergunte a professora como foi a nossa apresentação. Acho que os dois grupos mereceram estar aqui. Se você se sente realmente mal com isso, peço que venha falar comigo em qualquer dia que eu estiver na escola. Peço para falar comigo pois fui eu quem revisou todo o resumo, então eu assumo a responsabilidade por isso.
Até mais.
Obs.: Não estou tentando arranjar confusão, somente esclarecer qualquer mal entendedido em relação ao meu grupo.

Mariana disse...

Concordo com o anônimx e com a professora que houve sim uma cópia na parte da biografia, mais como ela mesma disse, biografia é uma coisa que não tem como ‘mudar’. Sim nós poderíamos ter citado a fonte, foi uma falha, no meu ponto de vista, neste caso, irrelevante.
Cópia todos os grupos vão ter, não tem como, se for analisar bem, o resumo do 3ºD também tem trechos copiados, fato que não altera a qualidade e o real entendimento do grupo com a matéria.
Se x anônimx quiser procurar o grupo, sinta-se a vontade.
E caso ocorra essa conversa de revisão, gostaria que fosse junto com o grupo e x anonimx, se resolver se identificar.

 

Web Page Hit Counter
Omaha Singles Web Sites